Investigação e inovação

Antecipar as necessidades terapêuticas e os cuidados do futuro

Os Laboratórios Pierre Fabre associam a investigação farmacêutica à investigação dermocosmética, criando sinergias entre estas duas atividades complementares. Ao longo dos anos, desenvolveram-se numerosas competências transversais, por exemplo, a investigação sobre as plantas, o conhecimento dos ativos de origem natural ou da dermatologia.

Investigação sobre as plantas

recherche-plantes.jpgInvestigadores convictos dos benefícios do mundo vegetal

Convictos que as cerca de 250 000 plantas com flor já identificadas, e as que estão por analisar apresentam potenciais benefícios para a saúde e beleza, os Laboratórios Pierre Fabre tornaram as substâncias vegetais num eixo importante da sua investigação. Para o grupo Pierre Fabre, as plantas são uma fonte de investigação científica pluridisciplinar que visa o aperfeiçoamento de ativos vegetais originais que poderão ser utilizados de forma transversal na área do medicamento, da saúde familiar ou da dermocosmética.

Investigação Farmacêutica

recherche-pharmaceutique2.jpgInvestimentos avultados e direcionados

Os investimentos efetuados em Investigação e Desenvolvimento pela Pierre Fabre Médicament e Consumer Healthcare - cerca de 20 % do volume de negócios (percentagem superior à média da indústria) - traduz a importância estratégica que atribuímos à disponibilização de novas soluções terapêuticas nos campos que consideramos prioritários: oncologia, dermatologia e neuropsiquiatria.

Investigação Dermocosmética

recherche-dermo-cosmetique2.jpgA competência dermatológica

Imbuídos da cultura farmacêutica do Grupo e apoiados por um laboratório de investigação de medicamentos, os investigadores da Pierre Fabre Dermo-Cosmétique desenvolveram competências específicas e únicas no campo da cosmetologia. Estas competências continuam a ser enriquecidas e são uma fonte viva de inovação.

Inovação tecnológica

innovation-techno2.jpgPrincípios ativos e desenvolvimento sustentável

Os Laboratórios Pierre Fabre desenvolveram uma competência única nos três campos tecnológicos do futuro. Pontos comuns entre eles: permitir o desenvolvimento e a produção de novos princípios ativos assegurando os princípios de um desenvolvimento sustentável e da química verde.